Dicas para quem precisa de reparo em ar-condicionado 

18 de setembro de 2021

🕐 Tempo de leitura: 3 minutos
Com a chegada do verão e as altas temperaturas, o ar-condicionado se torna um item necessário em casa ou no trabalho. Porém, caso o aparelho apresente algum tipo de problema como não ligar, não gela ou faz algum barulho fora do normal, surge a preocupação sobre valores e mão de obra para realizar a manutenção. E um ar-condicionado com problemas e mal funcionamento pode consumir mais energia elétrica, o que significa mais gastos na conta de luz. 

Uma vez identificado que o aparelho está com algum defeito, o que fazer? 

Além de oferecer técnicos habilitados e preparados para realizar este tipo de serviço com toda segurança, compromisso e pontualidade, a Helpie apresenta algumas dicas a seguir para você resolver o problema da melhor forma: 

1 – A primeira coisa a se fazer quando o ar-condicionado apresenta algum problema é verificar a nota fiscal e o manual se o aparelho está na garantia.

Caso esteja ainda dentro do período de garantia do fabricante ou na garantia estendida da loja em que foi comprado, deve-se procurar a rede de assistência técnica que representa o fabricante. Isso porque efetuar qualquer manutenção dentro da garantia por mão de obra que não seja autorizada pelo fabricante pode ocasionar sua anulação.  

Consulte a rede de assistências técnicas autorizadas pelo fabricante em sua cidade e entre em contato para verificar a disponibilidade de um técnico credenciado para efetuar o reparo no aparelho e não só manter a garantia original, como oferecer uma nova referente ao conserto realizado. Informe com o máximo de detalhes possível do problema percebido e agende uma visita técnica. 

2 – Considerando que seu ar-condicionado não está mais no período de garantia original do fabricante e não possui garantia estendida, será preciso procurar um profissional que realize o serviço.  Neste caso a primeira coisa a fazer é buscar referências de outros clientes e através destas é possível saber sobre a qualidade dos serviços já realizados, como a postura e compromisso do profissional. 

A Helpie conta com os melhores profissionais que são treinados, capacitados e prontos para resolver este problema com a maior agilidade e preço justo para você. Em nosso site ou aplicativo você pode buscar e verificar as avaliações de outros clientes acerca de nossos profissionais.  

3 – Uma vez escolhido o profissional para realizar o reparo, chega a hora de passar, já no primeiro contato via telefone ou mensagem, o maior detalhamento possível acerca do problema do seu aparelho de ar-condicionado.

Quanto mais detalhado for o relato, mais fácil fica para o técnico entender o que está ocorrendo e, com isso facilitar e agilizar o atendimento. Então use fotos e vídeos para melhor ilustrar o problema e adiantar algo sobre o orçamento. 

A seguir, é preciso verificar com o profissional se ele realiza orçamento grátis. Este pode ser um diferencial e requer atenção. Com isso definido, chega a hora de agendar a visita técnica. Definia um dia e hora em que, preferencialmente, o ambiente onde está localizado o ar-condicionado esteja livre e desimpedido para facilitar o acesso ao aparelho.

Com dia e hora combinados, se atente a pontualidade do técnico. Com o início da visita técnica, veja se o reparo pode ser realizado no local ou se será preciso retirar o aparelho e levá-lo à uma oficina ou outro local mais apropriado para realizar o serviço. Um bom profissional certamente dará um prazo adequado para o serviço a ser realizado.  

4 – Reposição de peças. É importante, no momento da visita do técnico, que ele informe se haverá necessidade de troca ou reposição de peças. E, caso sim, se ele já tem a peça em mãos ou se será preciso comprá-la ou encomendá-la. Em muitos caso o próprio profissional pode já dispor de peças sobressalentes para troca imediata.

Geralmente depender de peças encomendadas com a fabricante significa um período de espera e mais demora na liberação do ar-condicionado. Priorize o uso de peças originais para evitar futuros danos e problemas com seu aparelho pois, apesar de serem mais caras, garantem mais confiabilidade. 

5 – Valor. O que compõe o valor cobrado é a mão-de-obra empregada no reparo, que geralmente estima dificuldade e tempo gasto. Se o técnico já dispõe da peça necessária, este valor vai ser incluído no orçamento. Caso seja preciso adquirir a peça, é possível combinar se o profissional se responsabilizará pela compra ou se será você. Se for o técnico, esse valor será adicionado ao orçamento também. Combinar a forma de pagamento antes do início do trabalho é importante para evitar desentendimentos e conflitos. 

6 – Com valor e prazo definidos, é só aguardar o reparo por parte do profissional. Ao final do serviço é preciso verificar quanto tempo de garantia ele lhe dará pelo reparo realizado.  

Com tudo resolvido, não esqueça de avaliar o profissional no site ou aplicativo da Helpie da forma mais detalhada possível, para não só a ajudá-lo, como também a outros clientes que possam ter problemas com ar-condicionado. 

Conte sempre com a Helpie para dar aquela ajuda na hora de encontrar os melhores profissionais de acordo com suas necessidades! 

Baixe agora o Helpie!

botão loja Google Play
botão loja App Store

Mais postagens

Carpinteiro e marceneiro: tudo que você precisa saber

Carpinteiro e marceneiro: tudo que você precisa saber

As duas profissões são parecidas, mas existem diferenças fundamentais entre esses ofícios.Afinal, qual é a diferença entre carpinteiro e marceneiro?O que é um marceneiro? O marceneiro é o profissional que é um artesão da madeira. Ou seja, o marceneiro trabalha a...

11 motivos para usar o WordPress

11 motivos para usar o WordPress

Fazer com que o seu site tenha uma boa performance é fundamental para o sucesso da sua estratégia online, confira neste post 11 motivos para que você use o WordPress e obtenha resultados melhores!O que exatamente é o WordPress?Você não hospeda seu website com o...

0 Comments

0 comentários

Deixe uma resposta

Open chat
Fale com a gente