As Ervas Daninhas, o que são e como evitá-las?

17 de setembro de 2021

🕐 Tempo de leitura: 3 minutos
Muitas pessoas planejam ter um jardim bonito, ou uma plantação enriquecedora, seja das flores mais simples até as frutas mais exóticas, contudo, na hora de plantar é preciso ter cuidado e atenção em um pequeno problema que normalmente surge nos jardins, hortas e canteiros: as ervas daninhas.  

O que são Ervas Daninhas? 

De uma maneira simples, o conceito de erva daninha pode ser resumido como as espécies vegetais indesejáveis que cresceram no local destinado para o cultivo de outras espécies vegetais. Essas espécies vegetais daninhas não nos interessam e nascem de maneira espontânea. Apesar de estarem associadas a aspectos negativos, os quais revisaremos a seguir, também têm algumas vantagens. Por exemplo, para a regeneração da biodiversidade nas cidades. 

O conceito que é dado para as ervas daninhas pode causar certa confusão na cabeça das pessoas, pois no caso de termos uma plantação de cana de açúcar e surgir um pé de milho, este pode ser considerado como uma erva daninha para aquela referida plantação.  

Características das Ervas Daninhas 

Algumas das características da erva daninha são o crescimento rápido, fácil adaptação climática, rapidez entre floração e germinação, grande longevidade e produção são as principais delas.  

Porque e como eliminar uma Erva Daninha? 

A erva daninha deve ser eliminada pois prejudica às outras plantas dentro da horta, removendo-as é uma forma de garantir o bom desenvolvimento das outras flores, frutos e plantas. 

Mesmo não sendo uma tarefa fácil, é possível remover as ‘’plantas indesejadas’’, para isso, é preciso conhecer e entender bem sobre o local em que está mexendo. 

O melhor método para eliminar, pelo menos temporariamente as ervas daninhas, é ‘’cortar o mal pela raiz’’, literalmente arrancar ou cortar com a mão, de modo manual. 

Se a prevenção não funciona, existem métodos agronômicos (coberturas vegetais), mecânicos (colheita), biológicos (pastoreio) e químicos (herbicidas) que as eliminam, porém, tais métodos, principalmente os últimos pode prejudicar o meio ambiente e até mesmo os seres humanos.  

Quais são os tipos de ervas daninhas?  

Entre as mais comuns, encontram-se: 

  • Avena fatua: planta fanerogâmica que habita nos terrenos de cultivo e nos solos baldios. Apresenta uma raiz ramificada, caules herbáceos, eretos e folhas de até 20 centímetros de comprimento.
  • Caruru (Amaranthus viridis): A caruru é uma erva daninha que mede de 30 a 40 cm de altura e 30 a 50 cm de comprimento. Ela é herbácea, uma planta anual e se desenvolve bem entre a primavera e outono, no entanto, em melhor condição na região meridional do Brasil.
  • Cirsium arvense: o cardo rasteiro, ou cardo das vinhas é uma erva reconhecida em muitos hortos. É perene, tem uma raiz central profunda de enraizamento forte e apresenta umas brácteas de cor violeta-escuro. Desenvolve-se nos campos lavrados, pastos, em terras baldias e nas clareiras dos bosques. 
  • Guanxuma (Sida glaziovil): Planta de 30 a 80 cm de altura. Perene, anual, com caule e ótima capacidade de rebrota. Essas são as principais características da guanxuma, uma planta originária do Continente Americano e de grande incidência em lavouras pelo Brasil. 
  • Sorghum halepense: conhecida popularmente como sorgo bravo, trata-se de uma planta glabra capaz de se desenvolver nos cultivos de Verão de regadio. O seu caule é ereto, em forma de cana e com uma altura que pode chegar aos 2 metros. 
  • Verbena officinalis: erva perene originária da Europa. Cresce de forma silvestre nas pradarias, cultivos de primavera, nos vinhedos e nas hortas. Esta espécie, popularmente chamada Gerbão, Gervão ou mesmo Aljabão ou Argebão é de porte erguido. As suas folhas são opostas, lobuladas e estão divididas em vários segmentos. 

 

Gostou do post? Aqui na Helpie, se você estiver precisando de serviço de um jardineiro você encontra a melhor opção perto de você, pesquise e solicite! 

Baixe agora o Helpie!

botão loja Google Play
botão loja App Store

Mais postagens

Como trocar fechadura de um jeito rápido e fácil

Como trocar fechadura de um jeito rápido e fácil

A substituição de fechadura pode ser um reparo que acontece com frequência na casa. Seja porque acontece algum problema no mecanismo ou pela simples vontade de trocar a fechadura por outra mais moderna. Assim, aprender como trocar fechadura pode ser algo bastante...

Bricolagem: O que é e como começar?

Bricolagem: O que é e como começar?

Você já deve ter trocado uma lâmpada, pintado uma parede ou até mesmo, reformado um móvel antigo. Se você já fez alguma dessas coisas, ou demais manutenções em casa, você já fez bricolagem. Algumas pessoas pensam que bricolagem diz respeito apenas a montagem de móveis...

0 Comments

0 comentários

Deixe uma resposta

Open chat
Fale com a gente