Freelancer: entenda sobre esse mercado que cresceu na pandemia

16 de setembro de 2021

🕐 Tempo de leitura: 3 minutos

Desemprego em alta, dificuldade de se recolocar no mercado de trabalho, pandemia, mais liberdade e flexibilidade de horário e a possibilidade de atender diferentes clientes ao mesmo tempo. Esses são alguns dos motivos que justificam o crescimento do trabalho freelancer. 

A prática de oferecer serviço freelancer sempre foi bastante comum, mesmo antes da quarentena. Mas, a necessidade de produzir renda diante das incertezas econômicas se intensificou após o início da pandemia, o que levou um maior número de profissionais a buscarem alternativas com maior visibilidade. 

Um freelancer se caracteriza como um trabalhador que presta serviço eventual a outra pessoa física ou jurídica, sem vínculo empregatício, e normalmente por tarefa e valores pré-definidos. Se for uma pessoa física, pode ser um autônomo. Se for uma pessoa jurídica, pode optar por ser um microempreendedor individual (MEI). Nos dois casos podem ser prestadores de serviço ou comerciantes.

Dentre as áreas que mais tiveram destaque, estão: Design e Multimídia, Engenharia e Manufatura, Finanças e Administração, TI e Programação, Marketing e Vendas e Tradução e Conteúdos.

A seguir, confira algumas dicas para se dar bem como um freelancer:

 

 

1.

Planeje-se financeiramente

Geralmente, quem atua como freelancer não possui um salário fixo. Por isso, é de extrema importância saber se planejar financeiramente para não passar dificuldades nos meses em que as demandas estiverem mais baixas. Coloque no papel todas suas despesas e não deixe de poupar dinheiro sempre que possível para possíveis emergências.

 

Divulgação serviços

2.

Tenha um bom relacionamento com seus clientes

É fundamental que você saiba se relacionar com a sua base de clientes. Procure entender suas necessidades para oferecer as melhores soluções. Faça com que eles se sintam especiais. Procure estabelecer uma relação de confiança e tenha a satisfação do cliente como um dos seus objetivos principais.

 

Divulgação serviços

3.

Supere as expectativas dos seus clientes

Muitas vezes, o próprio profissional pode ser o maior obstáculo para alcançar o sucesso como freelancer. Conheça a si mesmo, liste quais são seus pontos fortes e fracos, buscando seguir dominante nos fortes e, principalmente, fortalecendo os fracos.

Nunca pare de estudar, leia muito e faça cursos e palestras que o mantenham atualizado em relação ao seu campo. Estar aprendendo constantemente é o que vai diminuir a distância entre você e o resto do mercado.

prestar bom atendimento

4.

Busque por sites de Freelancers

Para muitos freelancers iniciantes, conseguir seus primeiros clientes é uma tarefa árdua. Para facilitar isso, existem sites que trabalham com concorrência criativa, como é o caso da Helpie, plataforma especializada que conecta quem busca e quem oferece serviços.

O processo é muito simples: o freelancer se cadastra no aplicativo Helpie Pro, preenche todas as informações e dados necessários para divulgar seu trabalho, e pronto! É só aguardar os clientes chamarem.

prestar bom atendimento

Baixe agora o Helpie PRO!

botão loja Google Play
botão loja App Store

Mais postagens

1 Comments

1 Comentário

  1. Rubens

    👏🏼👏🏼👏🏼👏🏼👏🏼👏🏼

    Responder

Deixe uma resposta

Open chat
Fale com a gente
%d blogueiros gostam disto: